major eléctrico


quarta-feira, fevereiro 15, 2006
--------------------------------------------------------------------

Marvel Comics: capas


A chamada Idade De Prata da Marvel terá englobado as décadas de 50, 60 e 70, mas quem precisa de detalhe pode escolher os anos exactos. As décadas de 60 e 70 estão especialmente bem documentadas aqui, embora o mesmo site tenha em arquivo capas de outros anos. O cruzamento entre realidades era uma das principais portas de entrada para a Marvel, pensar que era possível assistir a outras realidades a acontecer em simultâneo. As capas com o traço de Steve Ditko, Sal Buscema e outros tornaram-se objectos apetecíveis que vivem perfeitamente independentes do conteúdo das revistas. Os momentos dramáticos capturados nas capas contêm muitas vezes toda a acção a que queremos assistir.




11 Comentários:

em 2:30 da manhã, Blogger r.b.S disse...

viva!
Descobri o teu blog e gostei; Está em destaque no meu blog! Visita o meu blog e fico á espera que ponhas um link do teu blog para o meu.

Abraço!
http://rbs1.blogspot.com

 
em 3:39 da tarde, Blogger Funkula disse...

Boas Major Electrico! Boogie Man here! Ta tutiii!? Excelente destaque este à Era Dourada da Marvel! Steve Ditko, John Buscema, Jack Kirby... SÃO GRANDES!GRAAAANDES!Fico abismado com a carga dramatica dessas capas!É DE BRADAR AOS CÉUS!

 
em 5:44 da tarde, Blogger ME disse...

funkula!

bem me parecia
que podia ser a tua cena : )

 
em 2:48 da tarde, Blogger Electrobot disse...

Por acaso gosto mais das histórias e dos desenhos dessas alturas, por entre os anos 60 e inícios dos 80.

Agora é tudo muito igual, parece que anda tudo a tomar "esteróides" e as histórias já não me parecem tão chamativas (se bem que há já uns anos que me desliguei das revistas de super-herois...prefiro investir noutras coisas...e um dos Majores sabe bem onde é que ele anda a ser investido...eheheheh).

 
em 5:22 da tarde, Anonymous Funkula disse...

«Por acaso gosto mais das histórias e dos desenhos dessas alturas, por entre os anos 60 e inícios dos 80» Ja leste Watchman do Alan Moore dignissimo Electrobot? Saiu em 86/87! OK é a respeito da Marvel... Eu tambem ando fora do contexto da actualidade mas acho que continuam a dar cartas os tipos da Marvel. Recentemente fiquei bastante surpreso com a graphic-novel 1602 da autoria de Neil Gaiman - Neil Gaiman pela Marvel!? Thats right! A transportar Herois classicos da Marvel para a era da inquisição, melhor que muitos Thrillers que fazem la por Hollywood. Tanto a Marvel como a DC e outras, seguem obrigatoriamente uma linha mainstream, mas ha sempre boas surpresas como este caso. À margem do mainstream continuam a fazer coisas de qualidade muito boas, como na editora-irmã da DC, Vertigo, que é QUALITY STUFF 100%!

 
em 1:51 da tarde, Anonymous Anónimo disse...

"Marvelhoso, marvelhoso, marvelhoso"...admirável mundo "novo"!!!!!

 
em 7:11 da tarde, Blogger Electrobot disse...

Funkula, obviamente existem excepções...e esse livro que mencionaste, Watchman, é, para mim, das melhores BDs que li em toda a minha vida (e saiu pela DC).

E da DC gosto de muita coisa que envolve o Batman, e a DC, no geral, parece-me ser a que arrisca mais (a Vertigo também é bastante interessante).

Mas a verdade é que tenho andado um pouco desfasado do que se vai fazendo em termos de BD/Comics...o $$$ não dá para tudo, e invisto-o mais em música...

 
em 8:04 da tarde, Anonymous Funkulinho (o diabinho) disse...

«Agora é tudo muito igual, parece que anda tudo a tomar "esteróides" e as histórias já não me parecem tão chamativas» Electrobot!BABY!That´s a bold statment my friend!That is a booold fuckin statment!
é sempre um choque ler essas coisas man!but its all good its all good!when the time comes!The Lord will ask - HAVE YOU READ WATCHMAN MY SON!? e ai se vera quem tem o lugar garantido no Ceu!
Espremendo bem a coisa, a Marvel tem arriscado muito pouco estes ultimos tempos.

 
em 7:48 da tarde, Blogger ME disse...

Quando voltei a pegar na minha colecção Marvel dos 80's (ok, admito, tudo edições da Abril), a ver que prazer ainda conseguia retirar das histórias, a conclusão é que foi muito pouco... Bom, também dependia dos heróis e dos desenhadores. Quando estreou o «Hulk» no cinema fui reler os primeiros números da saga do Hulk desenhada pelo Sal Buscema, e achei que os desenhos faziam toda a diferença. Ou antes, para mim quem desenhava definia muito do prazer que as histórias davam. Como apanhei a Marvel no final dos 70's, Sal Buscema foi dos primeiros desenhadores que me deixaram agarrado. Foi ele que me fez investir nuns quantos números originais americanos do ROM, nos tempos áureos uma das melhores sagas da Marvel. De qualquer forma, as capas eram normalmente caprichadas, valiam quase (ou mesmo!) como obras de arte autónomas.

 
em 12:21 da manhã, Blogger Electrobot disse...

Por acaso sempre gostei dos desenhos do Sal Buscema, e também gostava muito da saga do Rom...o combate aos Espectros ou a outros seres como o Híbrido, o desejo de regressar a Gálador e de voltar a ter forma humana.

Nos livros da Abril dos nos 80 ainda se apanhavam muitas histórias que vinham dos anos 70...

 
em 11:55 da tarde, Anonymous Anónimo disse...

Muito bem e tal, mas o que eu queria mesmo era saber quando é que há mais Major Electrico. Onde e como posso ter essa informação?
Sissi.

 

Enviar um comentário

<< de volta ao início